4 motivos para deixar de fumar hoje!

29/08/2016

4 motivos para deixar de fumar hoje!

Os motivos para deixar de fumar são muitos. O tabaco causa danos sociais, políticos, econômicos, ambientais e é muito prejudicial à saúde. A fumaça do cigarro contém mais de 4.700 substâncias tóxicas, incluindo arsênico, amônia, monóxido de carbono (o mesmo que sai do escapamento dos veículos), substâncias cancerígenas, além de corantes e agrotóxicos em altas concentrações.

Há mais de 50 doenças diretamente relacionadas ao tabagismo. Os diferentes tipos de câncer são apenas algumas delas. Fumantes estão mais propensos a desenvolver não só câncer de pulmão, como também de boca, laringe, faringe, esôfago, pâncreas, rim, bexiga e colo do útero. E para os não fumantes, inalar a fumaça do cigarro é tão prejudicial quanto para quem tem o hábito de fumar.

Motivos para deixar de fumar

Cuidar de si e de quem se ama já é uma grande motivação para deixar de fumar. Outras boas razões para abandonar o cigarro de vez são:

1. Diminuir o risco de desenvolver algumas doenças

Estatísticas revelam que os fumantes, comparados aos não fumantes, apresentam risco:

  • 10 vezes maior de adoecer de câncer de pulmão;
  • cinco vezes maior de sofrer infarto;
  • cinco vezes maior de sofrer de bronquite crônica e enfisema pulmonar;
  • duas vezes maior de sofrer derrame cerebral.

2. Reduzir os riscos que o cigarro representa à gestação

Grávidas fumantes aumentam o risco de ter aborto espontâneo em 70%. A probabilidade de a gestante que fuma perder o bebê próximo ou após o parto é de 30%. Há 40% de possibilidade de o bebê nascer prematuro e de 200% dele ter baixo peso.

3. Os benefícios que parar de fumar geram ao organismo

As vantagens de deixar o cigarro de lado são progressivas no organismo. Apenas 20 minutos sem fumar já faz com que a pressão sanguínea e a pulsação voltem ao normal. Duas horas sem o cigarro é o suficiente para não ter mais nicotina circulando no sangue. Em oito horas, o nível de oxigênio no corpo se normaliza.

Bastam dois dias sem o cigarro para os pulmões funcionarem melhor, o olfato reconhecer melhor os cheiros e o paladar sentir melhor o sabor dos alimento. Depois de um ano, o risco de morte por infarto cai pela metade em pessoas que decidiram parar de fumar. E em até 10 anos, se torna igual ao das pessoas que nunca fumaram.

4. Menor consumo de bebidas alcoólicas

Parar de fumar pode ajudar a reduzir o consumo de álcool. Um estudo publicado recentemente na revista científica BMC Public Health, revela que largar o cigarro diminui a ingestão de álcool.

Os resultados mostraram que os participantes que tinham tentando parar de fumar consumiram menor quantidade de bebida alcoólica em geral do que aqueles que não tinham tentado largar a dependência.

Fumar é um risco à saúde que pode ser evitado. O quanto antes um fumante resolver desistir de fumar, mais cedo perceberá as alterações positivas que isso lhe proporciona. Basta começar e, por mais difícil que pareça, nunca deixar de tentar!