Mitos e verdades sobre o câncer

Por: - CRM 17416 RQE 14723
Publicado em 19/02/2020 - Atualizado 03/03/2020

Mitos e verdades sobre o câncer

Conhecer os mitos e verdades sobre o câncer é fundamental para ter clareza sobre a doença, assim como evitar ideias distorcidas sobre o problema.

Utilizar uma fonte confiável para estudar o câncer e seus desdobramentos é um dos passos mais importantes para enfrentá-lo, seja o paciente ou mesmo a família que busca oferecer ajuda a esse momento.

Assim sendo, após o diagnóstico do câncer e a primeira conversa com o oncologista, é natural que muitas dúvidas sobre a doença apareçam.

No entanto, tenha cuidado para não acreditar em qualquer conteúdo que você lê na internet, pois muitas vezes, isso pode acabar deixando o paciente e os seus familiares ainda mais confusos e desesperançosos para lidar com o câncer.

Por isso, certifique-se de se orientar por fontes confiáveis e procure levar sempre ao oncologista as dúvidas que surgem durante o tratamento do câncer

Para te ajudar a conhecer um pouco mais sobre a doença, leia esse artigo até o final e se informe corretamente sobre o assunto.

Mitos e verdades sobre o câncer: fique atento para não se enganar

É muito importante conscientizar toda a população mundial sobre o câncer, influenciar governos e indivíduos a lutar pela doença e, assim, evitar que os números de morte continuem crescendo.

E para auxiliar resolvemos esclarecer dúvidas sobre a doença e desmistificar as ideias erradas que muita gente ainda acredita. 

Confira as afirmações abaixo e certifique-se se estão corretas ou não:

O câncer tem cura

Verdade. Quando diagnosticado precocemente, o câncer apresenta altas chances de cura e os tratamentos apresentam maior funcionalidade no processo. Embora cada caso apresente um tratamento específico, podemos dizer que o câncer é curável sim.

Se meus familiares tiverem câncer, eu também terei

Mito. O câncer é hereditário em alguns casos, mas isso não significa que desenvolver a doença é uma regra, quando há histórico familiar.

O que acontece é que determinados fatores genéticos tornam algumas pessoas mais sensíveis à doença, já que ficam mais predispostos à ação dos carcinógenos, que são os agentes provocadores da doença.

O câncer é contagioso

Mito. O câncer não é contagioso e não passa de uma pessoa para a outra, como acontece com os vírus.

Um trauma, como uma pancada forte, pode causar um tumor

Mito. Embora um trauma possa formar um nódulo que, em exames, podem se parecer com um tumor, esse é de caráter benigno.

Cigarros, charutos e cachimbos podem causar câncer de pulmão

Verdade. Qualquer que seja a forma de tabagismo pode causar câncer de pulmão. No entanto, o número de casos de câncer de pulmão em decorrência do cigarro é muito maior, já que o cigarro traz em sua composição cerca de 69 produtos químicos que causam câncer.

Anemia pode evoluir para leucemia

Mito. O que acontece é o contrário, já que a leucemia desenvolve quadros de anemia, em decorrência da diminuição da produção de células sanguíneas. Além disso, todas as crianças que desenvolvem leucemia, apresentam um quadro de anemia.

Amamentar protege do câncer de mama

Verdade. Quando a mulher está amamentando, as células mamárias que produzem leite se multiplicam menos, o que diminui o risco de desenvolver o câncer de mama.

Hipertireoidismo e hipotireoidismo são sintomas de câncer de tireoide

Mito. Hipotireoidismo e hipertireoidismo não apresentam relação com o surgimento do câncer de tireoide. No entanto, é fundamental fazer o acompanhamento da doença para evitar possíveis complicações.

Converse com o seu médico

Lembre-se que, não importa a dúvida que você tenha, sempre converse com o oncologista e peça esclarecimento sobre o assunto. Em hipótese alguma sinta-se desconfortável em tirar suas dúvidas com um profissional e, caso isso aconteça, significa que você não está em boas mãos. 

Um profissional de confiança é aquele que oferece um atendimento humanizado e ouve todas as suas dúvidas com atenção. 

Nunca se esqueça que o esclarecimento sobre a doença é um direito do paciente com câncer e é dever do oncologista mantê-lo sempre à vontade em sua consulta e totalmente informado sobre o assunto.


Material escrito por:
- CRM 17416 RQE 14723
Publicado em 19/02/2020 - Atualizado 03/03/2020

Possui graduação em Medicina pela Universidade do Extremo Sul Catarinense (2011). Residência Médica em Clinica Médica pelo Hospital Universitário, Florianópolis-SC....

Whatsapp