Tratamento para Osteoporose com Ácido Zoledrônico


Publicado em 13/10/2019 - Atualizado 22/11/2019

Tratamento para Osteoporose com Ácido Zoledrônico

A osteoporose é uma doença causada pela diminuição da massa óssea, o que desencadeia uma maior fragilidade dos ossos e, consequentemente, aumenta o risco de fraturas ósseas. 

De acordo com o Ministério da Saúde, a osteoporose é a principal causa de fraturas na população acima dos 50 anos. Principalmente, acomete mulheres na pós-menopausa, embora todos os idosos estejam propensos a desenvolvê-la, já que a idade é um dos principais fatores de risco.

Ouça este conteúdo: 

 

Mas, como é possível conviver com o diagnóstico de osteoporose? O tratamento é eficaz? Existem medidas que podem diminuir o impacto da doença no organismo?

Todas essas perguntas serão respondidas na leitura do artigo. Fique atento para compreender a melhor forma de tratar a osteoporose e conheça o tratamento que vem se mostrando  cada vez mais eficaz ao longo dos anos: o uso de glicocorticoides, em especial o Ácido Zoledrônico. 

Osteoporose: o que preciso saber sobre a doença?

Existem dois tipos de osteoporose: a primária e a secundária. A osteoporose primária é aquela que acontece de forma espontânea, enquanto que a osteoporose secundária se dá em consequência de outras doenças relacionadas e uso de medicamentos.  

A osteoporose primária é causada, principalmente, pela falta de estrogênio e, por isso, atinge mulheres após a menopausa e homens mais velhos, que possuem suas taxas de estrogênio reduzidas. Já a osteoporose secundária é desencadeada por diversas doenças, como aquelas relacionadas aos distúrbios hormonais, assim como certos tipos de câncer e algumas doenças autoimunes, como artrite reumatóide.

Além disso, tabagismo, má alimentação, sedentarismo, uso excessivo de álcool e cafeína também contribuem para o surgimento da doença, em ambos os casos.

Como identificar a osteoporose?

É importante esclarecer que, inicialmente, a osteoporose não causa sintomas aparentes, já que a perda da densidade óssea acontece de forma gradual. No entanto, quando há alguma fratura, a dor pode ser intensa, além de ocasionar deformidades, dependendo do caso.

Por isso, para diagnosticar a osteoporose, é necessário realizar um exame de densidade óssea. Isso é feito após a descrição de suspeitas sobre a doença ou mesmo como medida preventiva perante a idade. 

Além disso, o exame pode ser solicitado quando há um estilo de vida sedentário, seguido de má alimentação e uso de bebidas alcoólicas, que consistem em fatores de risco para o problema, quando a doença não está relacionada à idade, conforme já mencionado.

E qual a melhor forma de tratar a osteoporose?

Tratamento para a osteoporose: Ácido Zoledrônico

Embora a osteoporose não tenha cura, os tratamentos disponíveis são essenciais para dar ao paciente mais qualidade de vida para conviver com o problema.

Sem dúvida, atualmente, um dos tratamentos mais eficazes para tratar a osteoporose é a utilização do Ácido Zoledrônico, um composto pertencente a uma classe de bifosfonatos de caráter altamente potente, que atua como um inibidor da reabsorção óssea osteoclástica.

Na maioria das vezes, esse é um tipo de medicação indicada imediatamente após o diagnóstico, já que são eficazes em aumentar a densidade óssea dos quadris e da coluna vertebral, além de reduzir significativamente o risco de fraturas. 

A administração do Ácido Zoledrônico é feita por via intravenosa. É importante ressaltar que esse tipo de medicamento é útil tanto no tratamento, quanto na prevenção de todos os tipos de osteoporose.

De qualquer forma, é fundamental conversar com o seu médico sobre o melhor tratamento, já que o Ácido Zoledrônico também causa efeitos colaterais e está contraindicado para pacientes com hipocalcemia, insuficiência renal grave ou insensibilidade ao medicamento. Além disso, gestantes e lactantes também estão restritas ao uso.

Medidas importantes para pacientes com a doença

Além do tratamento com infusão de Ácido Zoledrônico, outras medidas essenciais são importantes para diminuir o risco de fraturas, além de reduzir a possibilidade de desenvolver algumas doenças associadas. Fique atento:

  • manter uma dieta nutritiva e livre de alimentos industrializados;
  • praticar exercícios físicos regularmente para fortalecer os músculos e os ossos e aliviar a dor crônica;
  • evitar levantar objetos pesados;
  • tomar cuidado e obter atenção máxima para não sofrer traumas e desencadear fraturas.

Além disso, a realização de massagens podem ajudar muito na dor do paciente. No entanto, é fundamental que isso seja feito com o auxílio de um profissional e após a autorização médica. 

Entre em contato com a nossa equipe para agendar uma consulta e conhecer de perto os tratamentos mais eficazes para tratar a osteoporose. 

 

Agendamento Online
Whatsapp