Principais sintomas do câncer

04/02/2017

Principais sintomas do câncer

Muitas vezes, o câncer se manifesta silenciosamente ou é “mascarado” por sintomas que podem ser facilmente confundidos com os de outra patologia. Conhecer os principais sintomas do câncer ajuda a evitar o diagnóstico tardio e outras situações advindas da doença.

Os tumores são responsáveis pela morte de 190 mil pessoas anualmente no Brasil, segundo um levantamento do Instituto Nacional do Câncer (Inca). A maior parte das mulheres é vítima de cânceres nas mamas e no colo do útero. Entre os homens, os tumores de próstata e cavidade oral estão entre os que apresentam maior incidência. Outros tipos da doença, que afetam tanto a população feminina quanto a masculina, são: pele não melanoma, traqueia, brônquio e pulmão, cólon e reto, e estômago.

Saiba quais são os principais sintomas do câncer

Muitos dos cânceres sinalizam sua presença no organismo através de sintomas pouco relacionados à existência de um tumor. Por vezes, alguns dos sinais que surgem realmente são dissociados da doença quando a condição que os desencadeia passa por investigação médica. Ainda assim, quando algum deles aparece, não deve ser ignorado.

Os principais sintomas do câncer são:

Dor insistente e sem explicação

A sensação constante de dor para respirar ou no abdômen pode ser um sintoma de câncer no pulmão ou no pâncreas, por exemplo. Episódios isolados não devem gerar preocupação. Porém, não é normal sentir dor constantemente. Nessa situação, a orientação médica sobre o que pode estar desencadeando-a e como tratá-la é indispensável.

Pintas com alteração na aparência

Segundo informações da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), uma pessoa adulta possui até 40 pintas na pele. A maior parte delas não representa risco à saúde, a não ser quando começam a sofrer alterações na aparência. Nesse caso, deve-se consultar um médico para descobrir o que está provocando as mudanças de cor, tamanho e forma na pinta. Muitos tumores de pele são descobertos desta maneira.

Tosse contínua ou rouquidão

A tosse é um mecanismo usado pelo organismo para livrar-se de substâncias indesejadas ou irritativas. Por isso, é normal uma pessoa tossir, mesmo quando não parece existir motivo para isso. O incomum é tossir continuamente ou expelir sangue através da tosse. A condição é um dos sintomas do câncer de pulmão, mas somente por meio de exames diagnósticos precisos é possível definir se a tosse é um indicativo da doença.

O tabagismo e a má alimentação são os principais fatores de risco para o câncer, conforme o Inca. Uma pessoa que não fuma e se alimenta adequadamente diminui em 30% e 35%, respectivamente, a possibilidade de ter um câncer no futuro. A boa saúde depende, apenas, de bons hábitos de vida.

Alteração no hábito intestinal

As mudanças observadas na coloração e no formato das fezes ou a presença de sangue no cocô são sinais que exigem atenção tanto quanto os demais. Qualquer alteração no padrão do funcionamento do intestino, como ficar dias sem evacuar quando o padrão era defecar uma vez ao dia também precisa ser investigado.